Top 15 América do Sul – Destinos imperdíveis no nosso continente!

Lugares imperdíveis da América do Sul? Aqui está a lista dos 15 que mais gostamos!

A ideia era criar um TOP 10, mas nosso continente tem tantas belezas que foi impossível escolher tão poucos destinos. Por fim chegamos a lista dos 15 mais (e mesmo assim foi bem difícil deixar alguns de fora!).

Todos estes lugares nós visitamos (seja nesta viagem ou em outras anteriores). A ordem da lista é aleatória. Até tentamos fazer um ranking, mas não conseguimos…

(Deixamos o Brasil de fora por enquanto porque queremos percorrer nosso país de ponta a ponta quando estivermos terminando a viagem).

1 – Machu Picchu

A antiga cidade dos incas não é uma das 7 Maravilhas do Mundo por acaso – seu estado de conservação é de dar inveja a muitos edifícios modernos, e a natureza que a rodeia é de tirar o fôlego.

Trem? Van? Trilha? Não importa o caminho que você escolher, o importante é chegar a Machu Picchu!

Mucuvinha em Machu Picchu, Peru
Mucuvinha em Machu Picchu

Leia nosso post completo, com todas as dicas e preços, aqui.

2 – Salto Angel

Com quase 1 quilômetro de altura (isso mesmo!), Salto Angel é a cachoeira mais alta do mundo. Para tornar tudo mais incrível, esta queda d’água está tão isolada que a natureza da região está quase intocada. Dormir por lá é na rede mesmo.

Salto Angel serviu de inspiração para o filme Up! Altas Aventuras.

Para chegar até lá, é preciso pegar uma combinação de avião e barco, em um tour de pelo menos 3 dias. As excursões partem da Ciudad Bolívar (Venezuela) e custam na faixa de 200 dólares.

Salto Angel, Venezuela
Seguindo em canoa para o Salto Angel

Estivemos neste lugar magnífico em 2012. Gostaríamos de ter voltado agora, mas infelizmente a grana não deu.

3 – Cataratas do Iguaçu

Este dispensa comentários: localizado entre o Brasil e a Argentina, este conjunto com mais de 270 quedas d’água é um dos principais destinos turísticos na América do Sul. Sua imponência é tanta que a ex-primeira dama dos EUA, Eleanor Roosevelt, ao ver as cataratas teria exclamado: “Pobre Niágara!”.

Brasil ou Argentina? Esqueça as diferenças, visite os dois lados!

Mucuvinha nas Cataratas do Iguazu, Argentina
Mucuvinha curtindo o lado argentino das Cataratas do Iguaçu

4 – Deserto do Atacama

Localizado no norte do Chile, o deserto mais árido do mundo é também um dos mais belos. Sua coloração e suas formações rochosas vão fazer com que você se sinta nos filmes de Marte.

E se engana quem pensa que no deserto a paisagem é tudo igual: lá há gêiseres, lagoas, vulcões e até piscinas termais para relaxar depois de uma longa caminhada!

Deserto do Atacama, Chile
Na Pedra do Coiote, Deserto do Atacama

Leia tudo sobre este destino espetacular aqui.

5 – Salar do Uyuni

A beleza cultural da Bolívia é incomparável, mas o país também possui belezas naturais de tirar o fôlego (literalmente), e o Salar do Uyuni é o melhor exemplo.

Localizado a cerca de 3800 metros de altitude, este imenso deserto de sal vai brincar com o seu cérebro de uma maneira inesquecível. E o mais legal é que este destino de difícil acesso ainda não foi invadido por redes hoteleiras ou coisas do tipo: percorrê-lo é vivenciar um pouco da cultura milenar andina.

Salar do Uyuni, Bolívia
Brincando com a perspectiva no Salar do Uyuni

Ficou com vontade de ir para lá? Leia tudo o que você precisa saber aqui.

6 – Cartagena

Salsa, caribe e muita história: são estes três elementos que tornam Cartagena um dos destinos mais especiais na Colômbia.

Esta antiga cidade foi o principal porto da coroa espanhola na América do Sul, e era por onde saía todo o ouro e a plata explorados por aqui. Por conta disso, era alvo de constantes ataques de piratas, o que obrigou a Espanha a transformá-la em uma grande fortaleza.

Hoje, os fortes e os muros de proteção se mantém bem conservados, assim como as casas coloniais, tornando Cartagena uma das cidades mais bonitas do continente. E, somado a tudo isso, está a Playa Blanca, com sua areia branca e água azul turquesa.

Cartagena das Índias, Colômbia
A colorida Cartagena

Ficou interessado? Leia todas as dicas sobre este destino aqui.

7 – Perito Moreno

Localizado em plena patagônia argentina, este monstro branco faz cair o queixo até mesmo dos visitantes nórdicos, que já estão acostumados a ver gelo por todos os lados.

O acesso fácil, com uma boa rede de plataformas e miradores, tornam este destino ideal inclusive para cadeirantes ou quem viaja com crianças.

Glacial Perito Moreno
O paredão de gelo do glacial Perito Moreno

Leia todas as dicas para conhecer este espetáculo aqui.

8 – Torres del Paine

Localizado no extremo sul do Chile, este é provavelmente o Parque Nacional mais visitado da América do Sul. Com circuitos que exigem até uma semana para serem percorridos, Torres del Paine é a Meca daqueles que curtem trilhas.

Ainda que a super lotação tenha forçado a criação de algumas regras chatas, e que hotéis luxuosos tenham quebrado um pouco o clima do local, a exuberante natureza compensa tudo.

Parque Nacional Torres del Paine, Chile
Nós nas famosas Torres del Paine

Leia todos os detalhes deste Parque Nacional aqui.

9 – Galápagos

Este conjunto de ilhas equatorianas, localizado em pleno Oceano Pacífico, foi a peça chave para que Darwin pudesse desenvolver a sua Teoria da Evolução. Também pudera: a riqueza da fauna e da flora deste arquipélago impressiona e inspira viajantes até os dias de hoje.

Ilhas Galápagos, Equador
Mergulhando com tartarugas em Galápagos

E, apesar dos cruzeiros para lá serem caríssimos, é possível visitar Galápagos de uma maneira razoavelmente econômica. Leia todas as dicas aqui.

10 – Lago Titicaca

Localizado em plena Cordilheira dos Andes, na divisa entre o Peru e a Bolívia, este é o lago navegável mais alto do mundo, e abriga uma cultura riquíssima.

Ainda que muitos digam que tudo já está muito turístico, a beleza do Titicaca nos encantou em todos os sentidos.

Vale a pena visitar tanto o lado peruano quanto o lado boliviano.

Ilha de Uros, no Lago Titicaca
Barco de totora, para navegar pelo lado peruano do Titicaca

Para detalhes do tour pelo Peru, leia nosso post aqui.

Para detalhes do lado boliviano, leia aqui.

11 – Amazônia

Ainda que a maior parte desta floresta esteja no Brasil, poucos brasileiros tiveram a oportunidade de conhecê-la. Nós mesmos não estávamos com planos de passar pela Amazônia neste momento, mas uma mudança de última hora no roteiro nos fez seguir até Iquitos, o coração da selva peruana. E a experiência não poderia ter sido melhor: além da riqueza cultural, vimos animais exóticos, pescamos piranhas e nadamos com golfinhos em pleno Rio Amazonas.

Amazônia peruana
Árvore gigante, de cerca de 700 anos, na selva amazônica

Ficou interessado em conhecer esta maravilha? Leia tudo sobre nossa viagem aqui.

12 – Fitz Roy

Os argentinos são mochileiros por natureza, e isso não é por acaso: seu país possui uns parques nacionais espetaculares, e muitos deles te permitem entrar e acampar gratuitamente.

A região onde está o pico Fitz Roy é um exemplo disso: suas longas trilhas oferecem umas vistas tão bonitas e uma sensação de liberdade tão grande que você até esquece o peso da mochila nas costas.

Este destino não estava em nosso roteiro inicial, mas nossa melhor decisão foi incluí-lo. Sem dúvidas a maior barbada que encontramos em nossa viagem até agora!

Fitz Roy - Argentina
Apreciando a beleza do Fitz Roy

Para ler tudo sobre este passeio, leia nosso post aqui.

13 – Parque Nacional Morrocoy

Incluir a Venezuela no nosso roteiro foi uma decisão difícil: de cada 10 pessoas que conhecemos, 9 nos aconselharam a não ir para lá devido à instabilidade econômica e política.

Por sorte fomos cabeças-duras: o país oferece paisagens fantásticas e praias impressionantes, tudo isso a preços muito baixos. Um exemplo disso é o Parque Nacional Morrocoy, com seu conjunto de ilhas paradisíacas em pleno mar do caribe.

Chichiriviche - caribe venezulano
Toda a beleza do Caribe a preços muito econômicos!

Quer se banhar nas praias mais belas sem gastar muito dinheiro? Leia nosso post completo aqui.

14 – Aconcágua

A imponência do pico mais alto das Américas (na verdade, o pico mais alto do mundo fora da Ásia) assusta até mesmo os alpinistas mais corajosos.

Localizado na Argentina, no caminho entre Mendoza e Santiago (Chile), o Aconcágua exige muita experiência para ser escalado, porém pode ser admirado através de um mirador por qualquer pessoa. Foi lá que vimos neve pela primeira vez na nossa viagem!

Cerro Aconcágua
No mirador do cerro Aconcágua

Para detalhes de como visitá-lo, leia nosso post aqui.

15 – Huascarán

Para quem acha que o Peru é apenas Machu Picchu, o Parque Nacional Huascarán é a maior prova do contrário: com suas imensas cordilheiras, lagoas azuis e picos nevados, este país mostra que não fica devendo em nada quando se trata de montanhas.

Este destino é relativamente novo, mas já está conquistando cada vez mais mochileiros do mundo todo.

Laguna 69
Laguna 69, no Parque Nacional Huascarán

Leia tudo sobre este Parque Nacional aqui.

 

É isso pessoal! Curtiram os lugares? Algum outro lugar imperdível que esquecemos de colocar na lista? Comentem aí! 🙂

Para mais dicas legais e acompanhar a nossa viagem de volta ao mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

6 comentários sobre “Top 15 América do Sul – Destinos imperdíveis no nosso continente!

  1. Parabéns Michele e Renan!! dicas ótimas, e lugares incrivéis, esperamos vcs em Buenos Aires de novo!!! abraço grande

    Japa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *