Conheça a Huaca de la Luna e del Sol, em Trujillo, Peru

A apenas 5km ao sul de Trujillo estão as belíssimas ruínas das Huacas (ou templos) do Sol e da Luna, importantes construções da antiga civilização Moche. Venha conhecê-las!

Referência (julho/2016)
1 real = 1 sol
1 dólar = 3,30 soles

Mucuvinha na Huaca da Luna
Mucuvinha na Huaca da Luna

A civilização Moche se desenvolveu no litoral norte do Peru entre os anos 100 a.C e 800 d.C. Apesar do longo período de existência, acredita-se que esta civilização nunca tenha formado um Estado ou um Império.

Ainda que não tenham desenvolvido a escrita, os Moches eram grandes artistas, e a prova disso se vê em suas pinturas feitas em peças de cerâmica e na parede de seus templos.

Além de sua bela arte, os Moches também nos deixaram de herança um dos esportes mais praticados na atualidade: o surfe. Ainda que o Peru e as Polinésias briguem pelo título de criadores deste esporte, tudo indica que os Moches já deslizavam sobre as ondas na mesma época em que Cristo caminhava sobre as águas.

Arte nas paredes da Huaca de la Luna
Arte nas paredes da Huaca de la Luna

Hoje pouco resta das cidades construídas por esta civilização, mas seus dois importantes templos, o do Sol e da Luna, seguem em pé. O da Luna apresenta um estado de conservação impressionante, e pode ser visitado pelos turistas.

O do Sol, infelizmente, foi quase que totalmente destruído pelos colonizadores em busca de ouro, e hoje parece um grande monte de areia. Vários pesquisadores acreditam que, antes da destruição, este templo foi uma das maiores pirâmides da América. Atualmente, este templo se encontra em processo de restauração, e a visitação ainda não é permitida. Temos que nos contentar em admirá-lo de longe…

A Huaca do Sol, ainda em processo de restauração
A Huaca do Sol, ainda em processo de restauração

Como chegar

Várias agências de Trujillo oferecem visitas às Huacas do Sol e da Luna, mas sai muito mais barato ir por conta própria.

Um táxi de Trujillo às Huacas não deve sair mais que 10 soles o trecho. Para ir de van, o valor do trecho sai por 1,50 soles.

As vans podem ser tomadas na Av. De los Incas, a poucas quadras da Plaza de Armas. Elas podem vir indicadas como “Huacas” ou “Campiña de Moche”. Convém confirmar com o cobrador antes de subir.

Para voltar, sempre há uma van parada no estacionamento da Huaca de la Luna, que parte poucos minutos depois que termina um tour guiado.

Ruínas da antiga cidade de Moche, com a Huaca do Sol ao fundo
Ruínas da antiga cidade de Moche, com a Huaca do Sol ao fundo

Valor

A entrada para a Huaca de la Luna custa 10 soles, e inclui um guia.
Opcionalmente, pode-se visitar um museu no local por mais 5 soles.

Ruínas da Huaca da Luna
Ruínas da Huaca da Luna

O passeio

O tour guiado dura pouco mais de 1h30min, e explora toda a pirâmide do Templo de la Luna. Não há muito o que falar do passeio; por isso, compartilhamos aqui as fotos de cada canto deste lugar!

Huaca de la Luna

Huaca de la Luna

Huaca de la Luna

Huaca de la Luna

Huaca de la Luna

Huaca de la Luna

É isso pessoal! Gostaram da dica?
Para acompanhar nossa viagem de volta ao mundo, curtam nossa página no face!
www.facebook.com/mundosemfimoficial

Um comentário sobre “Conheça a Huaca de la Luna e del Sol, em Trujillo, Peru

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *