Visitando Vigan – uma joia colonial nas Filipinas

Sendo uma das poucas cidades coloniais na Ásia, Vigan é um Patrimônio da UNESCO e uma das 7 cidades maravilhas do mundo. Se for viajar pelas Filipinas, é interessante dar um pulo por aqui!

Câmbio oficial (jan/2018)
1 real = 15,85 pesos filipinos
1 dólar = 50,68 pesos filipinos
1 euro = 61,95 pesos filipinos

Tranquilas ruas de Vigan
Tranquilas ruas de Vigan

Durante vários séculos, as Filipinas foram colônia da Espanha, e sobre suas diversas ilhas foram erguidas cidades com aquela arquitetura clássica colonial que conhecemos em várias cidades da América Latina. O tempo, porém, foi cruel com estas joias históricas: desastres naturais, guerras e o descaso do governo fizeram com que grande parte desta arquitetura ficasse em ruínas ou fosse substituída por edifícios modernos.

Vigan, porém, conseguiu sobreviver a tudo isso. Mesmo tendo sido invadida pelo Japão durante a segunda guerra mundial, seus edifícios históricos permaneceram em pé. Se não fosse pelos traços orientais de seus habitantes, você juraria estar na América Latina.

Ainda que existam cidades coloniais mais bonitas e melhores conservadas pelo mundo, a fusão de culturas que existe em Vigan é única. Foi por isso que, em 1999, Vigan foi declarada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, e em 2015 foi eleita pela Fundação New7Wonders como uma das 7 cidades maravilhas do mundo, junto com Havana, Beirut, Doha, Durban, Kuala Lumpur e La Paz.

Vigan, Filipinas
Vigan é uma mescla do passado colonial com o atual agito asiático

Como chegar?

Há ônibus direto desde Manila até Vigan em diversos horários. Nós pegamos um noturno e a viagem durou pouco mais de 8 horas. Fomos com a empresa Florida (av. Earnshaw com Sulucan), e a passagem custou 600 pesos. O ônibus te deixa na estrada, a pouco menos de 1 quilômetro do centro histórico.

Um roteiro clássico é fazer Vigan, Sagada e os arrozais de Banaue. Neste caso, a viagem é um pouco mais complicada. Leia aqui os detalhes de como fizemos.

Hospedagem

Os hotéis em Vigan são caros se comparados com os de outras cidades nas Filipinas. Os quartos mais baratos de casal que encontramos custavam 800 pesos. Encontramos por este preço no hotel Henady Inn (eles também tem quartos coletivos por 300 pesos por pessoa) e no Escolta Homey Lodge. O Henady está na estrada, quase em frente de onde o ônibus te deixa, e os quartos aparentemente são melhores, contando com banheiro privado e TV. O quarto do Escolta (onde ficamos) é bem simples: tem só uma cama (desconfortável) e um ventilador. O vantagem deste é que está muito bem localizado, na melhor rua da cidade.

Plaza Salcedo, Vigan, Filipinas
Plaza Salcedo, Vigan

Comer e beber

Vigan conta com uma boa oferta de restaurantes turísticos, onde você pode comer uma boa comida local. A melhor rua para encontrar estes restaurantes e bares é a Crisologo. Redes de Fast Food também há por toda a cidade.

Se você viaja em modo econômico, não é difícil encontrar as famosas carinderías, onde se pode almoçar uma comida simples por 50 pesos.

Na Plaza Burgos há várias tendinhas onde você pode experimentar uma saborosa e econômica comida de rua.

Rua Crislogo, Vigan, Filipinas
Noite na rua Crislogo

Conhecendo Vigan

Vigan é uma cidade bem pequena, e seu centro histórico pode ser conhecido todo em uma curta caminhada. Se você viaja em modo apressado, pode chegar aqui de manhã, conhecer tudo e ir embora pela tarde ou pela noite. Existem as opções também de se pegar uma charrete ou um tuk tuk para fazer um city tour, embora isso não seja necessário.

A rua mais bonita de Vigan é a Crisologo, e os edifícios históricos encontram-se, em sua maioria, nos seus arredores.

Outros lugares interessantes para se visitar é a catedral, a Plaza Salcedo (cercada pela prefeitura e outros edifícios de maior importância) e a Plaza Burgos.

Há alguns museus na cidade, mas nenhum que tenha nos chamado a atenção.

Este slideshow necessita de JavaScript.

É isso, pessoal! Gostaram de conhecer Vigan?

Para mais dicas bacanas e conhecer outros lugares interessantes pelo mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

4 comentários sobre “Visitando Vigan – uma joia colonial nas Filipinas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *