Tuyuk – uma vila milenar que sobreviveu ao tempo

Localizada a cerca de 40 quilômetros de Turpan, esta pequena vila, que uma vez fez parte da Rota da Seda, proporciona aos visitantes uma verdadeira volta no tempo!

Tuyuk, Xinjiang, China

Não imaginávamos que ainda existissem cidades como Tuyuk. Ou, se existissem, que ficassem em algum canto remoto das arábias ou de algum país do norte da África. Mas na China? Realmente não tínhamos ideia!

O pequeno vilarejo de Tuyuk fica localizado em um vale do mesmo nome. Este lugar tem cerca de 2600 anos de existência, e parece que pouco mudou desde que as primeiras casas de barro foram erguidas. Seus habitantes, de etnia Uigur e seguidores do islamismo, somam cerca de 370 pessoas, e vivem basicamente do plantio de uvas e de pequenos negócios com os poucos turistas que visitam a região.

Tuyuk, Xinjiang, China
Especiarias locais

Os Uigures são descendentes de povos turcos, e em pouco se assemelham com o estereótipo de chinês que conhecemos. Até mesmo seu idioma é diferente. E suas casas, todas feitas de barro (algumas já dotadas de tecnologias modernas, como o ar-condicionado), são o oposto da opulência dos arranha-céus que se vê em Pequim ou em Xangai.

Mas isso é China, uma China muito parecida com a que Marco Polo via enquanto cruzava os longínquos desertos que se estendiam pela famosa Rota da Seda. Visitar este lugar é um grande privilégio para conhecer uma cultura tão diferente, tão fascinante e tão desconhecida!

Tuyuk, Xinjiang, China
A mesquita de Tuyuk

Como chegar?

A pequena vila de Tuyuk está a cerca de 40 quilômetros de Turpan. Cuidado, porque há duas vilas com este nome. A histórica fica aqui:

Tuyuk, Xinjiang, China
Mapa de Tuyuk

O Google Maps não é muito bom por estes lados, e a marcação de várias estradas está errada.

Não há transporte público para o local. Você pode contratar um táxi, que vai cobrar 400 yuan para fazer um passeio por toda a região (cerca de 8 horas, e pode dividir com outras pessoas), ou tentar ir em uma combinação de vans e táxis.

Nós optamos pela segunda opção. Pegamos uma van no terminal de ônibus de Turpan que ia até a vila de Lukeqin (15 yuan, 40 minutos) e avisamos o motorista que queríamos ir a Tuyuk. Ele indicou para descermos na vila de Tuyugouxiang.

Nesta vila já havia gente oferecendo táxi para Tuyuk. Pediram 30 yuan, mas oferecemos 20 e aceitaram (acho que fariam até por menos).

Tuyuk, Xinjiang, China
Caminhando pelas ruas de Tuyuk

Para voltar, fomos caminhando e acenamos para um ônibus de turismo que vinha passando. Ele nos deu carona pelos próximos 3 quilômetros, até a estrada principal. Mas há muitos carros da polícia neste trecho, e qualquer um topará te levar.

Na estrada principal havia uma parada da polícia. Descemos ali e eles providenciaram um táxi coletivo para voltarmos a Turpan (25 yuan por pessoa).

Note que a estrada para norte de Tuyuk estava fechada quando fomos, então não adianta tentar ir por ali.

No caminho para lá você passará pelas famosas flaming mountains (montanhas flamejantes).

Flamming Mountains, Xinjiang, China
No caminho, as famosas montanhas flamejantes

Valor

Paga-se 30 yuan para visitar a vila. É preciso passar por um equipamento de raio-x na entrada.

Conhecendo a vila

Nós estivemos lá no verão, então fazia um calor insuportável (a temperatura passava dos 45 graus). É bom levar bastante protetor solar e um chapéu.

Mas, apesar do sol, não foi difícil conhecer a vila. Ela é bem pequena, e em uns 30 minutos de caminhada é possível vê-la por completo. Há vários comércios lá dentro, onde você pode comprar água gelada, refrigerantes, frutas (a uva de lá foi a mais doce que já comemos em nossas vidas) ou apenas se esconder do sol por alguns minutos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Atrás da vila existe um pequeno morro onde você pode subir para ter uma vista panorâmica. No centro há uma mesquita (que aparentemente não está mais funcionando). Aos fundos há uma região chamada Maza, onde há uma outra mesquita. Esta parte estava fechada para os turistas – era acessível somente aos religiosos.

Perto de Tuyuk existe um sítio arqueológico conhecido como Thousand Buddha Caves, mas estava em restauração quando visitamos.

É isso, pessoal!

Aqui está um vídeo que fizemos por lá:

Para mais dicas bacanas, acompanhe-nos em nossas redes sociais:

Dicas para a sua viagem:
  • Não perca tempo! Garanta a reserva do seu hotel pelos melhores preços no Booking.com
  • Prefere alugar uma casa? Então pegue aqui seu desconto de R$130 para a primeira hospedagem no AirBnb
  • Quer ganhar um extra com suas fotos de viagem? Aprenda a vendê-las por aqui.
  • Viaje sem sair de casa com os nossos livros!

2 comentários sobre “Tuyuk – uma vila milenar que sobreviveu ao tempo

  1. Uma dica é vcs colocarem esse link no fim de todos os vídeos do YouTube. Descobri o site com o vídeo de vcs na piscina há 1 ano atrás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *