O que fazer em Mérida – o topo da Venezuela

Localizada nos Andes venezuelanos, Mérida é famosa por seu enorme teleférico. Mas esta bela cidade, com paisagens espetaculares, tem muito mais para oferecer! Aqui contamos como foi nossa passagem por lá.

Referência (dez/2016)
1 dólar = 3,35 reais
1 dólar = 3200 bolívares fuertes*

*No câmbio negro. A inflação e o aumento do dólar são praticamente diários na Venezuela.

Mérida foi nossa primeira parada na Venezuela, e a recepção no país não poderia ter sido melhor. Sendo provavelmente a cidade com a melhor qualidade de vida do país, andando por suas ruas é difícil acreditar que a Venezuela esteja vivendo uma crise tão profunda. As filas nos bancos, a alta inflação e os shoppings vazios não deixam dúvidas, mas o turista não é diretamente afetado com isso. Vimos restaurantes cheios e europeus caminhando pelas ruas tranquilamente. Os supermercados tinham de tudo, com preços similares aos do Brasil (o que, para um venezuelano, é muito caro).

Para quem quer se aventurar pela Venezuela, este é um bom ponto de partida!

Pico el Águila, próximo à cidade de Mérida
Pico el Águila, próximo à cidade de Mérida

Chegando e saindo

Mérida fica a meio caminho entre a costa e a fronteira com a Colômbia de Cúcuta. Há ônibus para praticamente qualquer parte do país.

Uma passagem para San Cristóbal (para quem quer seguir a Cúcuta) fica em 2500 (6h de viagem), e para Coro 5000 (14 horas de viagem). No terminal, não esqueça pagar uma taxa de embarque de 100 bolívares.

Um táxi do terminal para o centro fica em torno de 1000 bolívares (isso é, pouco mais de 1 real!). Se quiser ir de ônibus de linha, a passagem é 60 bolívares.

Segurança

Consideramos Mérida uma cidade segura. Não é recomendável andar ostentanto por lá, mas pelo menos pela região central é possível andar tranquilamente tomando os mesmos cuidados que se tomaria em qualquer cidade brasileira.

Pela noite, as ruas costumam ser bastante escuras e é melhor tomar mais cuidado. Depois das 22h considere sempre pegar um táxi (que são extremamente baratos).

Comerciantes no centro de Mérida
Centro de Mérida

Supermercados

Pelo menos enquanto estivemos por lá não vimos nenhum item faltando. Encontramos comida, papel higiênico, xampus, condicionadores, sabonetes e tudo mais para vender nos supermercados e nas lojas do centro. Frutas são extremamente baratas (o quilo do morango saía por menos de 1 real, e um abacaxi se comprava pelo equivalente a 60 centavos).

Hospedagem

Procure hospedar-se no centro, no chamado “casco histórico”. Bons locais para ficar são nos arredores da Plaza las Heroínas (onde está o teleférico) e próximo à praça Choros de Milla.

Nas Heroínas, um hotel muito bom é a Posada Yagrumo (whatsapp: +58 414 747 1661), que oferece cozinha e um quarto de casal custa 9 mil (isso mesmo, menos de 3 dólares!).

Se busca hostel, tem o o Norte Sur, próximo ao Choros de Milla (atrás do quartel da polícia), onde a cama em quarto compartilhado custa 3000 e o quarto privado (para duas pessoas) 10 mil.

Agências de Turismo

As principais agências de turismo estão nos arredores da Plaza las Heroínas. Fizemos todos os passeios com a agência da Posada Yagrumo, que fez um preço bacana e ofereceu um serviço muito bom.

Troca de dinheiro

Se quiser trocar dinheiro em Mérida, traga dólares. Reais praticamente não são aceitos, e euros oferecem uma cotação um pouco pior.

Para trocas, pergunte no hotel onde estiver, ou pelas agências de turismo da Plaza las Heroínas. Alguns restaurantes também costumam fazer a troca.

O que fazer em Mérida?

Mérida oferece uma infinidade de passeios, principalmente para quem curte montanhas. Aqui vão alguns:

  • O teleférico mais caro (digo, mais alto) do mundo

O teleférico de Mérida é famoso por ser o mais alto e o mais longo em extensão do mundo. Infelizmente seu preço é uma facada para turistas estrangeiros: 50 dólares (pagos somente com cartão). E não adianta tentar negociar: é isso mesmo e ponto.

Ele leva até o Pico Espejo, um dos mais altos do país. Nos recusamos a pagar este valor, então deixamos as fotos do lado de fora mesmo 🙂

Mucuvinha no teleférico de Mérida
Mucuvinha no teleférico de Mérida
  • Trekking guiado pelas montanhas

É possível fazer um trekking até o Pico Bolívar, o ponto mais alto do país, ou pelas montanhas ao redor. O preço é barato, considerando que está tudo incluído e é um tour particular: na faixa de 60 reais por dia. As agências oferecem um guia, barraca e as comidas. Se estiver em grupos maiores, é possível chorar um desconto.

Para ir até o Pico Bolívar são necessários 6 dias (subida e descida), e um bom preparo físico.

Não tem dinheiro para pegar o teleférico, mas quer conhecer as montanhas? O tour Los Páramos (que leva até o Parque Nacional Sierra Nevada) custa apenas 1 dólar, e dura o dia inteiro!

Laguna de Mucubaji, nos Páramos de Mérida
Laguna de Mucubaji, parte do tour Los Páramos

É um tour guiado, muito procurado por turistas venezuelanos. Nós fizemos este passeio, e aqui descrevemos como foi:

Nosso tour para Los Páramos

Outro tour bastante procurado em Mérida é para ver os famosos Relâmpagos de Catatumbo, no lago Maracaibo. Para quem nunca ouviu falar, esta é a região do planeta onde mais caem raios: em noites de bastante intensidade, chegam a cair quase 200 raios por hora. O mais interessante é que o fenômeno é só luminoso: não se escuta nada.

O tour é de dois dias, e a noite você passa dormindo na rede e admirando o fenômeno. A melhor época é entre agosto e o começo de dezembro. Antes de contratar o tour, pergunte sobre a probabilidade de vê-los.

Para saber como foi nosso tour, leia aqui:

Visitando os relâmpagos de Catatumbo

Relâmpagos de Catatumbo, no Lago Maracaibo
Fenômeno de Catatumbo
  • Los Llanos

Quer conhecer o “pantanal” venezuelano? O tour para Los Llanos é uma boa pedida. Este é um passeio de 4 dias e 3 noites, e nele poderá ver jacarés, antas, tamanduás, etc, além de andar a cavalo e pescar piranhas.

Este tour, com tudo incluído, fica na faixa dos 200 mil bolívares (algo como 65 dólares).

  • Sorveteria Coromoto

Esta sorveteria está no Guinness Book como a sorveteria com mais variedades de sabor do mundo: são mais de 800 combinações, que incluem desde os clássicos até alguns mais exóticos, como arroz, feijão, carne e pimenta.

Geralmente estão uns 40 disponíveis por dia, mas pode ir todos os dias lá durante um ano que nunca vai precisar repetir um sabor.

Um copo com 3 bolas custa 2300 (pouco mais que 2 reais).

Sorveteria Coromoto, a sorveteria com mais sabores do mundo
Sorveteria Coromoto, com mais de 800 sabores de sorvete exibidos na parede
  • Parapente

Sempre quis fazer parapente mas achava muito caro? Aqui em Mérida, por menos de 50 reais é possível pairar no ar por meia hora. O parapente custa 45 mil, e oferecem descontos para grupos maiores.

É isso pessoal! Deixamos de mencionar algum passeio interessante? Comentem aí o que acharam!

Para mais dicas de viagens e acompanhar nossa volta ao mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

5 comentários sobre “O que fazer em Mérida – o topo da Venezuela

  1. Olá. Bacana o passeio de vcs. Lá tem o jardim botânico, onde se faz o arvorismo e também o zoológico, mercado central, todos imperdíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *