Cruzando a fronteira Tailândia – Laos por terra: de Chiang Rai a Luang Prabang

Neste post detalhamos como é cruzar mais uma fronteira no sudeste asiático: a da Tailândia para o Laos!

Câmbio oficial (dez/2018)
1 real = 8,50 bahts tailandeses
1 real = 2220 kips laosianos
1 dólar = 33 bahts
1 dólar = 8580 kips

Roda de Chiang Rai a Luang Prabang
Roda de Chiang Rai a Luang Prabang

Estávamos bem apreensivos antes de cruzar esta fronteira. As informações que encontrávamos na Internet eram antigas, desconexas e muitas citavam casos de pedido de propina ou extorsões por partes das autoridades. Mas decidimos tentar a sorte, e foi bem mais tranquilo do que imaginávamos. Fomos pela fronteira de Chiang Khong-Huay Xai, bem lá no norte.

 

Aqui está o que você deve fazer:

De Chiang Rai para a fronteira

De hora em hora (a partir das 6h30min até às 16h30min) saem ônibus do terminal de Chiang Rai para a fronteira. São ônibus velhos, e a passagem é paga direto ao motorista.

A viagem dura cerca de 2 horas e custa 115 bahts (R$ 13,50). O preço é desproporcional, considerando que a passagem para a cidade fronteiriça custa 65 bahts, e os 50 bahts a mais é só para o ônibus fazer um desvio de 10 quilômetros. Mas ainda assim compensa mais do que chegar na cidade e procurar um tuk tuk.

Ônibus Chiang Rai - Fronteira Laos
Ônibus que leva para a fronteira com o Laos

Saindo da Tailândia

A saída da Tailândia foi muito simples. Praticamente não havia fila e carimbaram nossa saída sem problemas. Inclusive há letreiros deixando bem claro que não é preciso pagar nada para sair do país. O oficial só perguntou se tínhamos dólares suficientes para pagar o visto do Laos.

Carimbada a saída da Tailândia, é preciso cruzar uma ponte de ônibus. A passagem custa 20 bahts (R$ 2,35). Se você estiver de bicicleta, cobrarão mais 100 bahts por ela. Não é permitido cruzar a pé e nem pedalando.

No guichê onde vendem as passagens deste ônibus também trocam dinheiro. O valor praticado aqui é o câmbio oficial, portanto aproveitamos para trocar todos os nossos bahts por dinheiro do Laos.

Fronteira Tailândia - Laos
Guichê onde trocamos nosso dinheiro

Entrando no Laos

Nosso ônibus seguiu com alguns moradores da região e mais seis ocidentais. A travessia não durou nem 5 minutos.

No lado do Laos há caixas eletrônicos, caso queira sacar dinheiro, e também casas de câmbio. Aqui é só procurar os guichês do VOA (Visa on Arrival). Ali é preciso preencher aquelas fichas típicas de imigração (eles pedem o endereço e o telefone de algum conhecido no Laos, mas deixamos em branco e não teve problemas), pagar 30 dólares pelo visto e entregar uma foto 3×4 (a nossa era maior, do tamanho de foto de passaporte, mas aceitaram numa boa). Dizem que, se não tiver fotos, vão te cobrar um extra pelo trabalho de escanear e imprimir a foto do passaporte. Por via das dúvidas, leve uma foto para não ter problemas.

Vale lembrar que eles são bem chatos quanto à qualidade dos dólares. Se tiver qualquer risco ou mancha nas notas elas serão recusadas.

Também há um aviso dizendo que o horário de funcionamento oficial é das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira. Se fizer a imigração fora deste horário, será cobrada uma taxa extra de 10 mil kips (R$4,52).

O processo todo foi rapidinho. Demorou mais para preencher as fichas do que para retirar o visto.

Guichê onde se paga o visto do Laos
Guichê onde se paga o visto do Laos

Da fronteira para a rodoviária

Aqui você pode optar por ir para a rodoviária ou para a cidade fronteiriça, onde muitos turistas optam para pegar um barco e descer pelo rio até Luang Prabang.

Na saída da imigração há um guichê vendendo as passagens de tuk tuk. Eles cobravam 15 mil kips por pessoa (R$6,80) para levar até a rodoviária.

Rodoviária – Luang Prabang

Na rodoviária você pode comprar na hora as passagens para Luang Prabang (ou para outros destinos dentro do país). Para Luang Prabang há saídas em dois horários: às 10h e às 16h. Nós fomos no ônibus das 16h: era velho, mas até que confortável. A passagem custou 120 mil kips (R$54,60) e a viagem durou quase 14 horas. A estrada era cheia de curvas, mas o ônibus ia tão devagar que conseguimos dormir numa boa. Um detalhe interessante é que nosso motorista não devia ter mais do que 15 anos de idade.

Preços e horários dos ônibus

No caminho, por volta das 20h, é feita uma parada para a janta. Comemos ali um prato com arroz, legumes e uma carne que não soubemos identificar o que era (mas era boa) por 20 mil kips (R$9,05).

Chegamos a Luang Prabang pouco antes das 6h. A rodoviária onde o ônibus nos deixou ficava a uma distância de uns 10 quilômetros do centro. Tivemos que pegar um tuk tuk coletivo que custava 20 mil kips por pessoa.

E assim, quase 24 horas depois, chegamos finalmente ao nosso destino!

Ônibus da fronteira para Luang Prabang
Ônibus para Luang Prabang

Resumindo, o que você precisa:

  • 30 dólares para pagar o visto (e mais 10 mil kips caso esteja cruzando a fronteira no fim de semana, antes das 8h ou depois das 16h);

  • Uma foto 3×4 ou de passaporte;

  • Eles não pedem passagem de saída ou confirmação dos hotéis na imigração, mas é preciso escrever o nome e o endereço do seu primeiro hotel na ficha de imigração).

Aqui está um vídeo mostrando como foi a travessia:

É isso, pessoal! Depois contaremos mais sobre nossa viagem pelo Laos.

Para mais dicas bacanas, acompanhe-nos em nossas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *