Conheça Puebla – uma joia colonial no México

Pertinho da capital, Puebla é uma cidade tranquila, com clima agradável e um belo centro histórico declarado como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Se estiver viajando pelo México, não deixe de dar um pulo por aqui!

Câmbio oficial (novembro/2017)
1 real = 5,80 pesos mexicanos
1 dólar = 19 pesos mexicanos

Puebla, México
Letreiro de Puebla o Zócalo da cidade

Heróica Puebla de Zagaroza, também conhecida como Puebla de los Ángeles, ou simplesmente Puebla, é uma das cidades coloniais mais bonitas e agradáveis do México. A organização de suas ruas e a beleza de seus edifícios históricos são explicados por sua história: esta cidade foi planejada e construída para ser habitada exclusivamente por espanhóis. Porém, como os espanhóis queriam exclusividade mas não queriam sujar as mãos, acabaram colocando os indígenas para os trabalhos pesados da construção. Estes passaram a habitar pequenas cidades vizinhas, que hoje se tornaram bairros de Puebla.

Puebla também teve um papel importantíssimo na guerra contra a França. Com a justificativa de cobrar um empréstimo não pago, as tropas francesas (na época, considerado o melhor exército do mundo) desembarcaram em território mexicano e marcharam em direção à Cidade do México. Em 5 de maio de 1862, porém, foram barradas em Puebla e perderam uma importante batalha contra o exército mexicano liderado pelo general Zaragoza. Esta data, até hoje, é celebrada com muito orgulho pela cidade. Atualmente é possível visitar o forte e as trincheiras usadas por estes soldados.

Catedral de Puebla, México
Catedral de Puebla

Como chegar?

Puebla está pertinho da capital mexicana. Da Cidade do México saem ônibus o tempo todo de praticamente todos os terminais para Puebla. A passagem custa na faixa de 150 e 200 pesos (30 a 40 reais), dependendo da companhia e do conforto. A viagem dura cerca de 2 horas.

Puebla é uma parada interessante para quem vai para Oaxaca. Os ônibus entre estas duas cidades custam na faixa de 500 pesos (pouco menos de 100 reais) e a viagem dura 5 horas. Comprando com antecedência é possível conseguir um valor bem mais barato (consulte os valores exatos no site da ADO).

O terminal de Puebla está longe do centro, porém há ônibus municipais que fazem o deslocamento. A passagem custa 6 pesos (cerca de R$1,20). Estes ônibus costumam encher no caminho. Portanto, se estiver com bagagens, é recomendável procurar um lugar próximo da porta de saída.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Onde se hospedar?

O melhor lugar para se hospedar em Puebla é no centro histórico, preferencialmente perto do zólalo (a praça central). É aí que estão as edificações mais bonitas, assim como os principais bares e restaurantes. Os city tours saem da frente do zócalo.

Os hotéis podem ser um pouco caros nesta região, embora não seja difícil caminhar por lá e encontrar opções econômicas, como hostels (o preço ronda a faixa de 150 a 200 pesos em quarto compartilhado).

Nós ficamos em um quarto de casal pelo AirBnb por 50 reais. A casa era simples, mas o quarto era bem espaçoso e ficava a apenas 3 quadras da praça central. Também tinha cozinha e ducha com água quente. Se você viaja em modo econômico, pode ser uma boa pedida.

O quarto onde ficamos é este:

https://www.airbnb.com.br/rooms/17996950

Se você nunca usou o AirBnb, pegue um vale de 100 reais aqui.

Puebla pela noite
Puebla pela noite

Clima

Puebla é uma cidade com clima agradável, podendo esfriar bastante pela noite. Levar casaco é muito importante.

Segurança

Achamos Puebla bastante movimentada e segura (pelo menos na região do centro histórico). Até mesmo pela noite era possível ver turistas com suas câmeras profissionais penduradas no pescoço.

Em regiões mais afastadas é melhor ter um pouco mais de cautela.

O que fazer?

Puebla possui uma infinidade de museus e edifícios importantes. Dentre eles, destacam-se a bela catedral, o Forte de Loreto (50 pesos – 9 reais – teve um papel importante na batalha contra a França) e a biblioteca (estava fechada quando visitamos; foi a primeira biblioteca das américas). Tem também um teleférico interessante que passa sobre o Forte de Loreto (30 pesos).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Se você tem pouco tempo, o ideal é fazer um city tour para conhecer bem o centro e alguns bairros antigos da cidade. Para saber mais detalhes, leia nosso post completo aqui:

Outros lugares interessantes para se conhecer são:

Localizado em uma pequena praça de Puebla, o Cuexcomate é o menor vulcão do mundo (ou o maior gêiser do mundo, segundo algumas pessoas). É possível descer por sua cratera pagando um valor simbólico de 11 pesos (2 reais).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia nosso post completo sobre este vulcão aqui.

Puebla tem uma infinidade de túneis subterrâneos, que foram usados tanto pelos antigos cidadãos para transportar dinheiro quanto pelas tropas durante a guerra. Acredita-se que somente 3% destes túneis foram descobertos.

E você pode visitá-los – é um passeio bastante interessante. A entrada custa 20 pesos (menos de 4 reais) e dá direito aos dois túneis descobertos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para ler nosso post completo sobre esses túneis, clique aqui.

Cholula é outra joia colonial que está pertinho de Puebla. Além de suas casas bem conservadas e bem pintadas, Cholula também conta com mais de 100 igrejas, algumas delas com o interior completamente revestido em ouro. Outra atração deste lugar são suas ruínas pré-colombianas. Há até uma pirâmide que, se for considerar pelo tamanho da base, é a maior do mundo. Sobre esta pirâmide foi construída uma igreja.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para ler nosso post completo sobre o que fazer e como chegar a Cholula, clique aqui.

 

É isso, pessoal! Durante sua viagem pelo México, não deixem de reservar pelo menos uns 3 dias para conhecer esta magnífica cidade.

Para mais dicas bacanas e acompanhar nossa viagem pelo mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *