Conheça o vulcão Masaya (Nicarágua) e veja lava em sua cratera!

Já subimos a muitos vulcões, mas nunca havíamos tido a oportunidade de ver lava dentro de sua cratera. Isso até agora: na Nicarágua, conseguimos realizar nosso sonho, e sem gastar muito!

Veja aqui todos os detalhes para explorar o vulcão ativo Masaya.

Câmbio oficial (abril/2017)
1 real = 9,40 córdobas
1 dólar = 29,80 córdobas

Vulcão Masaya - Nicarágua
Nós em frente à cratera do vulcão Masaya!

Com pouco menos de 700 metros de altitude, a cerca de 20km ao sul da capital, o Masaya é um vulcão de fácil acesso e muito ativo na Nicarágua. Para ter uma ideia, sua última erupção aconteceu em janeiro de 2016.

Por ser um dos poucos lugares do mundo onde é possível ver lava vulcânica sem a necessidade de realizar uma expedição cara, o Masaya acabou se tornando um dos principais pontos turísticos do país, atraindo turistas de todas as partes do mundo.

Em tempos antigos, diversos sacrifícios humanos já se realizaram no local para acalmar sua fúria. Nos tempos coloniais, a igreja teria declarado que o Masaya era uma das portas para o inferno, e construiu uma cruz ao lado da cratera para evitar que o mal saísse lá de dentro.

Quanto custa?

É possível visitar o vulcão durante o dia (das 9h às 16h30min) ou pela noite (das 17h30min às 19h30min). Pelo dia, o preço da entrada é 100 córdobas para estrangeiros e 30 para nacionais. Pela noite, a entrada é 10 dólares para qualquer nacionalidade.

Se não tiver veículo particular, é preciso pegar uma van da portaria até o vulcão (6km, 100 córdobas – não permitem subir caminhando), ou conseguir uma carona na entrada mesmo. Pela noite esta van não está disponível.

Também há excursões saindo desde Granada por valores entre 18 e 25 dólares (com a entrada incluída).

Cratera do vulcão Masaya
Lava no interior da cratera do vulcão Masaya. Pela foto não parece, mas essa cratera é enorme.

O que levar?

A temperatura em cima do vulcão é a mesma que embaixo, por isso não há necessidade de levar casacos nem nada. A estrada sobe até o mirador, assim pode ir de chinelo tranquilamente.

Se tiver um tripé para a câmera, ele poderá ser útil para tirar fotos melhores se for à noite.

Como chegar ao Masaya por conta própria

Nós não havíamos encontrado muitas informações de como fazer o passeio por conta própria (muitos diziam que era impossível), e por isso acabamos contratando o tour. Mas é possível ir por conta própria sim.

Para quem está em Granada, basta pegar qualquer ônibus que vai para Manágua e pedir para descer na entrada do parque (ou, se estiver em Manágua, pegue o ônibus para Granada). A passagem não deve custar mais que 29 córdobas.

Na entrada, há uma van que leva até a cratera por 100 córdobas. Os horários que a van sai são: 10h, 12h e 15h. Se não quiser pagar, basta pedir uma carona (provavelmente qualquer carro topará te levar). Para ver o vulcão no horário noturno, só com carona ou excursão mesmo.

Para voltar para a sua cidade, basta ficar à beira da estrada e acenar para o próximo ônibus que passar.

Fila para entrar no Masaya. Não é difícil conseguir uma carona por aqui!

Indo em tour – como economizar

Praticamente todas as agências de turismo de Granada vendem passeios para o vulcão. Os preços, no geral, ficam entre 18 e 20 dólares para fazer o passeio de dia, ou na faixa dos 25 dólares para fazer pela noite (tudo com a entrada incluída). Nós conseguimos por 17 dólares pela noite.

Para conseguir o melhor preço, o segredo é não reservar nada com antecedência. Há mais agências do que turistas, e por isso elas cobram caro, já que possivelmente acabem tendo que levar um grupo pequeno (isso se não tiverem que levar só você). Se a agência já tiver um grupo e tiver lugares sobrando na van, poderá te levar por um preço bem mais bacana (afinal, qualquer coisa que vier a mais é lucro).

Vulcão Masaya visto da estrada
Vulcão Masaya visto da estrada

Nós estávamos decididos a fazer o passeio de dia mesmo para economizar, mas enquanto caminhávamos pela Calle La Calzada (que desce ao lado da catedral), escutamos um rapaz gritar: “Vulcão Masaya! Hoje a noite, 17 dólares!”. Aí nos interessamos. Como a entrada já estava incluída, o tour saía, na verdade, por 7 dólares.

Ele explicou que já tinha um grupo de 6 pessoasl e por isso podia nos fazer mais barato. Comentou que os outros pagaram 22 dólares (o que confirmamos posteriormente).

A agência que nos levou foi a Adventure Tours.

Outra agência bastante econômica é a Todo Tours (na av. Vega, em frente ao parque central). Esta nos faria a 20 pela noite, em um tour privado.

Mucuvinha indo para o vulcão Masaya
Seguindo ao Masaya em tour

Como foi o tour

Saímos de Granada às 16h50min. A van foi buscar o pessoal no hotel (nós saímos direto da agência mesmo). Em cerca de 30 minutos, já estávamos na fila para entrar (a maioria das pessoas quer ver o vulcão à noite, por isso a fila começa antes mesmo da abertura do parque). Ali há diversas pessoas vendendo água, comidas e cerveja (a latinha custa 1 dólar). Pode ser uma boa maneira de passar o tempo.

Em 20 minutos entramos no parque, e seguimos 6 quilômetros por estrada até o vulcão. No caminho, esperamos mais uns 15 minutos em uma outra fila (só permitem subir 10 carros por vez). Ali aproveitamos para ver a Laguna de Apoyo, outro destino turístico da região. Daqui também era possível ver uma nuvem vermelha sendo emanada do vulcão.

Laguna de Apoyo, Nicarágua
Laguna de Apoyo, vista do vulcão Masaya

Terminada a espera, seguimos. Chegamos ao topo e já era noite. De lá havia 2 mirantes para ver a lava. Um estava lotado, o outro praticamente vazio. Ficamos no vazio, tirando várias fotos.

O tempo de permanência permitido pelo parque para ficar lá em cima, pela noite, é de 10 minutos. Pelo dia pode ficar o tempo que quiser.

Terminado nosso tempo, seguimos a estrada de volta a Granada. Nos deixaram na porta do nosso hotel por volta das 20h.

Luz vermelha saindo da cratera do vulcão Masaya
Luz vermelha saindo da cratera do vulcão

É isso pessoal! Curtiram o passeio? Não deixem de fazê-lo quando estiverem na Nicarágua 🙂

Se for passar em Granada, pegue todas as dicas da cidade aqui.

E, para mais dicas bacanas e acompanhar nossa viagem pelo mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

3 comentários sobre “Conheça o vulcão Masaya (Nicarágua) e veja lava em sua cratera!

    1. Muito! Já sabíamos que havia vulcões por aqui, mas não imaginávamos que eram tantos!
      Este em específico foi espetacular 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *