10 lugares imperdíveis no Equador

O Equador era para ser um lugar que simplesmente atravessaríamos, sem perder muito tempo. Era. Ao final, a beleza deste pequeno país nos encantou tanto que acabamos passando quase 2 meses por lá. Aqui montamos a lista do que mais gostamos!

1 – Galápagos

Com o orçamento apertado, acabamos não visitando Galápagos desta vez. Mas, por sorte, já tivemos a oportunidade de ir a este lugar encantador em férias passadas.

Este arquipélago, no meio do oceano Pacífico, merece estar não apenas nas Top 10 do Equador, mas sim na Top 10 das Américas (e talvez do mundo). Suas praias paradisíacas e sua fauna e flora impressionantes deixam qualquer visitante de queixo caído. Aqui tivemos a oportunidade de nadar com lobos marinhos, pinguins, tubarões, tartarugas, iguanas e diversos outros animais, além de ver as famosas tartarugas gigantes e pássaros exóticos, como o piquero de patas azuis.

Com um lobo marinho em Galápagos
Renan e o lobo marinho no cais de Isabela, em Galápagos

E se engana quem acha que é preciso pagar um cruzeiro caríssimo para viver esta experiência: basta ir até a praia que todos estão por lá! Não é a toa que Darwin passou anos de sua vida aqui. Se você tivesse a oportunidade, com certeza faria o mesmo!

Leia sobre nossa passada por Galápagos aqui.

2 – Baños

É impressionante como esta pequena cidade, com pouco mais de 13 mil habitantes, pode ter tanta coisa para oferecer. Com uma infinidade de cachoeiras, tirolesas para tudo que é lado, rios para praticar rafting e dezenas de outros esportes radicais, é o lugar ideal para quem busca um pouco de adrenalina, alinhado com incríveis paisagens. Isso sem falar, é claro, do famoso Balanço do Fim do Mundo!

"balanço do fim do mundo", em Baños, Equador
Michele se balançando no “balanço do fim do mundo”, em Baños

Sem dúvidas é um lugar que merece pelo menos 4 dias de suas férias.

Leia tudo sobre Baños aqui.

3 – Quito

Conhecer a capital de um país sempre é uma experiência interessante. Ainda mais quando esta capital possui um centro histórico imenso, digno de receber o título de Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Não perca a oportunidade de visitar suas ruas estreitas e seus casarões coloniais durante o dia. Pela noite, aproveite para tomar cerveja barata no animadíssimo bairro de Mariscal!

Palácio do governo, em Quito
Palácio do governo, no centro histórico de Quito

Leia tudo sobre Quito aqui.

4 – Montañita

Considerada como a “Ibiza da América do Sul”, esta antiga praia de pescadores, com bares e discotecas para tudo que é lado, é o destino ideal para quem busca festa e curtição. Sua animação, antes descontrolada, hoje é bem policiada, o que a tornou um destino interessante também para quem viaja em família.

Praia de Mantañita, Equador
Montañita vibrante pela noite!

Se quer agito, fique no centro. Se quer simplesmente relaxar e curtir uma praia pela tarde, busque uma hospedagem um pouco afastada. Se estiver visitando a região entre julho e setembro, não perca a oportunidade de fazer um tour de barco para ver baleias!

Leia tudo sobre Montañita aqui.

5 – Otavalo

Em poucos lugares no país a cultura andina é tão bem preservada quanto em Otavalo. Localizado a poucos quilômetros ao norte de Quito, esta pequena cidade encanta por seu povo hospitaleiro e seus belos artesanatos a preços bem atraentes.

Se tiver a oportunidade, visite Otavalo no sábado, quando acontece a maior feira indígena da América do Sul. Não sabe onde comprar sua lembrancinha do Equador? Aqui é o lugar ideal!

Feira de Otavalo
Feira de Otavalo no sábado, a maior feira indígena da América do Sul

Além da cultura, a região oferece uma paisagem sensacional também.

Leia tudo sobre Otavalo aqui.

6 – Mitad del Mundo

Pertinho de Quito está o ponto onde a linha do equador passa, cortando a Terra em dois hemisférios. Talvez a ideia de tirar uma foto com um pé no norte e outro no sul não chame muito a sua atenção, mas sem dúvidas você se encantará com toda a aula de física e os experimentos que se pode fazer na região.

É possível chegar até lá de transporte público ou com uma excursão contratada em Quito. Não deixe de conhecer as duas linhas – a verdadeira, medida com GPS, e a antiga, onde se acreditava ser a metade do mundo antes do desenvolvimento desta tecnologia.

No museu Inti Ñan, a verdadeira "metade do mundo"
Cada um em um hemisfério!

Leia tudo sobre este passeio aqui.

7 – Cuenca

Outra joia colonial declarada como Patrimônio da UNESCO, a cidade de Cuenca foi uma das cidades que mais nos encantou até agora. Aqui, o novo e o antigo são dosados na medida certa, fazendo com que Cuenca seja bela sem ser entediante.

Se tiver tempo, pode também visitar o belo parque de Las Cajas ali pertinho.

Cuenca, Equador
A noite de Cuenca

Leia tudo sobre Cuenca aqui.

8 – Cotopaxi

A forma perfeita deste vulcão ativo impressiona qualquer viajante, mesmo aqueles que já viram vários vulcões. Foi aqui que nós, pela primeira vez, enfrentamos uma nevasca!

Infelizmente erupções recentes colocaram o vulcão em alerta, e escaladas ao cume estão proibidas por enquanto. Mas tudo bem – fazer a trilha até o primeiro refúgio já compensa!

Refúgio do Cotopaxi
Chegando ao refúgio do Cotopaxi – a 4897 metros sobre o nível do mar!

Leia tudo sobre nosso passeio pelo Cotopaxi aqui.

9 – Quilotoa

Uma lagoa com água que varia do azul ao verde intenso já é impressionante; saber que esta lagoa está dentro da cratera de um vulcão ativo, então, multiplica a graça do lugar por 10!

Chegar até Quilotoa é fácil e barato. Por que não dar um pulinho por lá?

Mucuvinha em Quilotoa
Mucuvinha em Quilotoa

Leia tudo sobre este passeio aqui.

10 – Vilcabamba

Vilcabamba é a cidade com a maior longevidade do Equador, e possivelmente da América. Seu estilo de vida tranquilo, rodeado por paisagens incríveis, atrai viajantes do mundo todo, e vários deles acabam deixando de ser visitantes e se tornam moradores permanentes.

Se você vier até aqui, prepare-se: ir embora vai ser bem mais difícil do que parece!

Vilcabamba, Equador
Pequeno centro de Vilcabamba, rodeado por belas montanhas

 

É isso pessoal! Estes foram os lugares preferidos por onde passamos. Infelizmente não tivemos a oportunidade de visitar outros que devem ser iguais de incríveis, como o Chimborazo e o Nariz del Diablo. Mas tudo bem – temos uma desculpa para voltar a este incrível país! 🙂

Para mais dicas de viagens e acompanhar nossa volta ao mundo, curtam nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *