10 lugares imperdíveis no Chile

Depois de fazer a lista dos 10 lugares mais legais que conhecemos na Argentina, chegou a hora do Top 10 Chile!

Foram quase 3 meses percorrendo o Chile de ponta a ponta, vendo paisagens que variavam de picos nevados e lagoas cor esmeralda até desertos que não veem uma gota de chuva há décadas. Foi difícil escolher apenas 10 lugares imperdíveis neste país (e isso que não tivemos condições de ir à Ilha de Páscoa ou à região de Arica), mas aqui vai os que achamos mais impressionantes:

  1. Atacama

Tudo no deserto mais árido do mundo é impressionante: desde o pequeno e pitoresco povoado de San Pedro de Atacama até os gêiseres, vulcões, lagoas e formações rochosas que o rodeiam fazem a viagem ser inesquecível. Apesar de ser um dos destinos mais caros do Chile, é quase impossível que alguém volte de lá arrependido – o investimento realmente vale a pena. Reserve pelo menos uns 5 dias para o deserto, e tente conhecer tudo por lá. Cada lugar é distindo e merece ser visitado.

Michele observando o Salar de Tara, no Deserto do Atacama
Salar de Tara, no Deserto do Atacama

Leia tudo sobre San Pedro de Atacama e arredores aqui.

  1. Torres del Paine

Considerado por vários livros de viagem como o melhor parque da América do Sul, as Torres del Paine não ganharam esta fama em vão: apesar de ter sido queimado duas vezes por turistas irresponsáveis, este parque continua sendo a Meca dos mochileiros no Chile. Reserve pelo menos uns 3 dias para percorrer este parque (nós levamos 8) e aproveite o contato com a natureza e admire suas belíssimas paisagens.

Torres del Paine
Torres del Paine

Leia tudo sobre Torres del Paine aqui.

  1. Chiloé

Este pequeno arquipélago no sul chileno marca o fim (ou o começo?) na Panamericana, a estrada que cruza a América de ponta a ponta. Aqui, além de uma cultura fascinante, um povo muito receptivo e uma culinária de causar inveja à parisiense, o visitante vai poder avistar pinguins, belas paisagens e um conjunto de igrejas de madeira tão bonitas que ganharam o título de Patrimônios da UNESCO.

Venha e esqueça do stress das grandes cidades: a paz e a tranquilidade reinam em Chiloé!

Interior da Igreja de madeira de Castro, em Chiloé
Interior da Igreja de madeira de Castro, em Chiloé

Leia mais sobre este lugar aqui.

  1. Valparaíso

Amada por uns e odiada por outros, Valparaíso é uma cidade com personalidade: suas ruas caóticas, seus mercados ao ar livre e os grafites nas paredes podem encantar ou assustar os turistas que passam por aqui. No nosso caso, nos encantou – depois de passarmos meses na Patagônia, Valparaíso nos lembrou que estávamos na América Latina.

Não deixe de pegar um funicular e subir os inúmeros cerros que rodeiam a cidade e oferecem vistas maravilhosas. Entre em cada viela e observe cada parede: a arte de rua está em cada canto de Valparaíso – o que deu a ela o título de Patrimônio Cultural da UNESCO.

Bela vista do Cerro Santo Domingo, Valparaíso
Bela vista do Cerro Santo Domingo, Valparaíso

Conheça mais sobre esta cidade aqui.

  1. Capilla e Catedral de Mármol

Descer a remota Carretera Austral por si só já é uma experiência maravilhosa, mas damos ênfase a este lugar, pertinho da cidade de Puerto Tranquilo. Se somente as águas azuis do lago General Carrera, rodeado por montanhas nevadas já são de tirar o fôlego, as incríveis formações geológicas em pedras são a cereja do bolo. A capela, a catedral e outras formações em mármore estão a poucos minutos de barco de Puerto Tranquilo, e são visita obrigatória para quem percorre a Carretera Austral.

Mucuvinha navegando por dentro dos túneis da Catedral de Mármol
Mucuvinha navegando por dentro dos túneis da Catedral de Mármol

Leia mais sobre este passeio aqui.

  1. Puerto Varas

Esta pequena e caríssima cidade, com ares de Europa e cheia de gringos pelas ruas, oferece um dos melhores pontos para se observar o imponente vulcão Osorno, um dos vulcões mais bonitos do Chile. A poucos quilômetros dali também está o Parque Nacional Vicente Pérez Rosales, que oferece paisagens ainda mais impressionantes.

Não tem muito dinheiro? Tudo bem, fique hospedado em Puerto Montt e tire um dia para conhecer Puerto Varas. Isso já é suficiente para ficar deslumbrado com o lugar!

Vulcão Osorno visto de Puerto Varas
Vulcão Osorno visto de Puerto Varas
  1. Sewell

Nunca havíamos visitado uma cidade fantasma antes, mas depois de conhecer Sewell já fomos perquisar outras mais para colocar no roteiro.

Sewell é uma mineradora localizada perto de Rancágua, a umas 2 horas ao sul de Santiago. Esta mineradora, no passado, já chegou a ser uma das mais importantes do mundo, e consturiu uma cidade inteira dedicada ao pessoal que trabalhava ali. Com o desenvolvimento das estradas chilenas e dos meios de transporte, chegar a Sewell a partir de outras cidades se tornou muito mais fácil, de tal forma manter uma cidade própria deixou de ser um negócio interessante. Aos poucos, a Cidade de Sewell passou a ser desabitada, e hoje as únicas pessoas que caminham por suas ruas são os turistas que vêm conhecer sua história.

Mucuvinha na cidade fantasma de Sewell
Mucuvinha na cidade fantasma de Sewell

Leia tudo sobre este passeio imperdível aqui.

  1. Pucón e Villarrica

Tão impressionante quanto Osorno, Villarrica é outro vulcão belíssimo que, há poucos anos atrás, assustou aos chilenos e cobriu algumas cidades argentinas de cinzas.

Além da paisagem maravilhosa, se tiver uma graninha extra, é possível subir à cratera deste vulcão e observar a lava se removendo lá dentro. Além do vulcão, a região possui lagos e rios de cores e transparências impressionantes.

Pucón é a cidade base para conhecer o vulcão e, assim como Puerto Varas, é caríssima e cheia de gringos. Se quiser algo mais econômico, procure nas outras cidades nos arredores – todas são encantadoras.

Parque em Pucón, com o vulcão Villarrica ao fundo
Parque em Pucón, com o vulcão Villarrica ao fundo
  1. Santiago

Não importa o quão caótico seja o trânsito ou os cuidados que se tenha que tomar ao sair à noite – conhecer a capital de um país é sempre uma experiência enriquecedora. Quer subir ao topo do maior prédio da América do Sul? Visitar igrejas coloniais recheadas de ouro? Ou brincar um pouco na neve? Santiago tem de tudo.

Vista de cima do Cerro Santa Lucía, Santiago
Santiago vista de cima do Cerro Santa Lucía

Leia tudo sobre esta belíssima capital aqui.

  1. Valle del Elqui

Localizado em uma região onde não chove quase nunca, rodeado por belas montanhas e sem nehuma cidade grande, o Vale do Elqui é considerado por muitos como o lugar mais bonito do Chile para ver as estrelas. Ainda que tivemos o azar de visitá-lo justamente quando o céu estava encoberto, observar sua bela natureza e suas vinícolas já valeu o passeio. Além disso, para os fãs de poesia, foi aqui que a poeta Gabriela Mistral, ganhadora do prêmio Nobel, nasceu e viveu. Hoje é possível visitar sua casa (que foi convertida em museu) na pequena cidade de Monte Grande.

Plantações de uvas no Valle del Elqui
Plantações de uvas no Valle del Elqui

É isso pessoal! Esquecemos alguma coisa?

Para ver mais dicas do Chile, cliquem aqui.

Se tiverem sugestões de outros lugares, comentem aí para que possamos visitá-los em uma futura oportunidade! 🙂

E não deixem de acompanhar nossa viagem de volta ao mundo curtindo nossa página no face:
www.facebook.com/mundosemfimoficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *